Em recordação aos 120 anos do fim da guerra, Canudos recebe homenagem e faz reivindicações em sessão especial da Alba

 

O objetivo da sessão foi reivindicar, ao Governo do Estado, que a Estação do Metrô de Lauro de Freitas seja chamada de Estação Antônio Conselheiro

Uma sessão especial em recordação aos 120 anos do fim da Guerra de Canudos foi realizada, na tarde desta quinta-feira (23), no plenário da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba).  A cerimônia, proposta pelos deputados estaduais Rosemberg Pinto e Fátima Nunes, ambos do PT, contou com encenações e apresentações musicais que homenagearam a trajetória e luta de Antônio Conselheiro e do povo de Canudos.

 

 

O objetivo da sessão foi reivindicar, ao Governo do Estado, que a Estação do Metrô de Lauro de Freitas seja chamada de Estação Antônio Conselheiro e a transferência do Governo da Bahia para Canudos a cada dia 05 de outubro, quando é celebrado o final da Guerra de Canudos. Na ocasião estavam presentes intelectuais, estudiosos, estudantes, representantes do governo do estado e o Prefeito de Canudos, Genário Rabelo. Houve também a participação especial dos cantores/compositores Bião de Canudos , Rose, Fábio Paes e Gereba, bem como, dos poetas José Américo Amorim e BGG da Mata Virgem/Uauá.

“A Guerra de Canudos é um episódio de extrema importância para a história do Brasil. Um massacre onde cerca de 25 mil pessoas foram mortas  e por isso esse país tem débito com nosso povo. Hoje somos um povo que se orgulha por ter lutado por causas justas e por, principalmente, ter conseguido se reerguer após a guerra. Representando os canudenses, me sinto muito feliz e orgulhoso. Agradeço ao deputado Rosemberg, à Deputada Fátima e a todos os parlamentares que preparam essa homenagem tão linda justa. Canudos vive e segue lutando por dias melhores”, declarou o prefeito de Canudos, Genário Rabelo.

 

Ascom Prefeitura Municipal de Canudos