Prefeitura de Canudos realiza força tarefa para fiscalizar reabertura parcial do comércio local

Neste dia 1º de maio começou a valer o decreto municipal de flexibilização do funcionamento do comércio local e feira livre em Canudos. De acordo com o decreto 755/2020 publicado no dia 24 de abril, estabelecimentos comerciais essenciais e secundários podem funcionar respeitando regras, com objetivo de impedir a disseminação do coronavírus.
As regras básicas são o distanciamento das pessoas, uso de máscaras de proteção para funcionários e clientes, disponibilização de álcool gel 70%, local para higienização das mãos com água e sabão, limite de clientes sendo atendidos simultaneamente, entre outras.
Diante disto, a gestão municipal formou uma força tarefa para fiscalização com a participação de servidores de diferentes secretarias da gestão municipal, vigilância sanitária, e com apoio da polícia militar.
Os fiscais orientam comerciantes e clientes e em caso de reincidência o estabelecimento poderá ser penalizado. Eventos que aglomeram pessoas como cultos, casamentos, formaturas e palestras continuam suspensos. As aulas nas instituições públicas e privadas também.
De acordo com o Prefeito de Canudos, Genário Rabelo (Geo), as medidas tomadas podem ser revistas a qualquer momento. “No momento não temos nenhum caso suspeito ou confirmado da covid-19, pensando em os nossos trabalhadores, nas demandas da população e na economia, decidimos flexibilizar o funcionamento do comércio, com regras rígidas e claras. Todos os estabelecimentos estão sendo fiscalizados. Vamos avaliar o comportamento da população, do comércio e a questão epidemiológica, a depender disto, podemos rever qualquer ação”, afirmou.
Vale ressaltar que as pessoas que circulam no comércio e feira devem usar máscara, orientação também estabelecida através de decreto municipal.

Ascom Prefeitura Municipal de Canudos